Uber Eats e Glovo, entregas sem contato – COVID-19

19 03 Noticia UBER GLOVO

O encerramento de centenas de restaurantes em todo o país, nas últimas semanas, e a quarentena que milhares de portugueses estão a fazer, tem dado maior sentido aos serviços da Uber Eats e Glovo – que também estão a entregar bens de primeira necessidade. Estes continuam em funcionamento, – apesar de haver cada vez menos estabelecimentos disponíveis – e a apostar em entregas “sem contato”.

No caso da Glovo, a empresa enviou um email aos utilizadores, explicando que os seus sacos são selados e que a assinatura no dispositivo do estafeta já não é necessária. Além disso, deu instruções aos estafetas para que deixem o pedido à porta de casa ou escritório e que toquem à campainha – neste caso convém que o façam com luvas ou uma folha de papel. Recomendam também que as entregas sejam pagas com cartão e não através de numerário.

Para a Uber Eats, a entrega sem contato tem de partir da iniciativa do cliente. Antes de efetuarem o pagamento, devem, no checkout, carregar na secção da morada e, seguidamente, em “Adicione uma nota de entrega”. E é aqui que se deve escrever algo como “Deixe o pedido à porta, por favor”.

O serviço de entrega de refeições da Uber está também a oferecer a taxa de entrega no período de almoço até 31 de março. O mínimo de encomenda é acima de 5€ – pode ser 5.10€, por exemplo – e, depois, tem de adicionar o código ALMOCO, seguido do dia e mês correspondentes. Por exemplo, amanhã o código será ALMOCO 2003.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados