Reino Unido acaba com automóveis a diesel e gasolina a partir de 2030

iStock 155445312
Reino Unido aponta ao fim da venda de automóveis a diesel e gasolina.

O gabinete de Boris Johnson adiantou o prazo para a proibição de venda de automóveis a diesel e gasolina, que tinha sido inicialmente marcado para 2040.

A mobilidade na Europa está a mudar como nunca e os próximos anos vão ser decisivos. Os automóveis a diesel e gasolina deixarão de ser vendidos no Reino Unido a partir de 2030. Os híbridos que sejam capazes de percorrer “distâncias significativas sem emitir dióxido de carbono” poderão estar no mercado até 2035 – sendo banidos a partir desse ano.

A partir de 2035, todos os carros a ser vendidos no Reino Unido terão de ser 100% elétricos, como o Tesla Model 3, ou o Nissan Leaf, bem como modelos de automóveis movidos a hidrogénio.

O governo britânico prevê um investimento de 1.3 biliões de libras na construção de pontos de carregamento por todo o país, para além de outros investimentos na produção de baterias, apoios à compra de carros elétricos e ao apoio a centrais nucleares de produção de energia, de maneira a responder à crescente procura deste elemento.

Esta nova medida faz parte do plano para o ambiente de Boris Johnson, batizado de ‘Ten Point Plan’, que pretende eliminar as emissões de CO2 no Reino Unido até 2050. O primeiro-ministro definiu o plano como sendo “impulsionado pelas centrais eólicas da Escócia, movido pelos veículos elétricos nas Midlands e pelos avanços tecnológicos feitos no País de Gales, para podermos ter um futuro mais verde e próspero”, englobando assim todas as regiões do Reino Unido numa “revolução verde”.

1 Shares:
1 comment
  1. I do not even understand how I finished up right here, however I thought
    this post used to be good. I do not know who you’re but definitely
    you’re going to a famous blogger should you are
    not already. Cheers!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados