Portugal: produção bicicletas com números record

iStock 1136124236
all single parts components of blue black modern aerodynmic carbon fiber racing sport road bike bicycle racer isolated on white background

Os fabricantes de bicicletas nacionais temeram pelo futuro quando a pandemia os obrigou a fechar as fábricas. Mas o pós confinamento acabou por trazer boas notícias. Muitas pessoas começaram a evitar o transporte público e a optar por maneiras mais saudáveis ​​de se deslocar. A bicicleta tornou-se uma alternativa óbvia.

O maior fabricante de bicicletas da Europa é português. Teve que fechar as suas 40 fábricas e colocar cerca de 8.000 trabalhadores em layoff para ajudar a conter a disseminação da COVID-19. Mas isso foi em Março e Abril. Agora, a equipa está de volta a e ‘não tem mãos para tantas encomendas’. “Quando fechamos no dia 13 de março, pensamos que seria uma catástrofe, estávamos com medo”, disse à Reuters Bruno Salgado, conselheiro executivo da RTE Bikes – sediada em Gaia – a maior fábrica de bicicletas da Europa. “Mas acabou por ser uma bênção disfarçada para nós”, continuou Bruno Salgado, referindo à pandemia e à crescente procura do transporte individual em muitos países e cidades do mundo.

Novos hábitos aceleram procura

A RTE Bikes produziu 1,1 milhão de bicicletas no ano passado, sendo que Portugal exporta cerca de 90% da sua produção. Alemanha, França e Itália são os mercados de referência. À medida que as restrições para travar a propagação do COVID-19 começaram a diminuir em toda a Europa, durante os meses de verão, os distribuidores ficaram sem stock, o que levou os fabricantes portugueses a terem de aumentar a capacidade de produção. Em consequência, a RTE Bikes está agora a trabalhar ‘a todo vapor’, produzindo cerca de 5.000 bicicletas por dia. “No ano passado a nossa média de produção estava entre as 3.000 e 4.000”, concluiu conselheiro executivo da RTE Bikes.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados