Produção nacional começa 2020 em desaceleração

5 MARCO PRODUCAO ACAP

A produção automóvel em Portugal ascendeu, no primeiro mês de 2020, a 29 652 veículos. Trata-se, de acordo com a Associação Automóvel de Portugal (ACAP) de uma quebra de 4,1% face a igual mês do ano passado.

Os ligeiros de passageiros (-10,9%, para 23 415 unidades) foram o segmento que mais decresceu. A VW Autoeuropa, a maior fábrica nacional, produziu 21 200 viaturas em Janeiro (-11%), o que representa 71,5% de toda a produção nacional e 90,5% de todos os ligeiros de passageiros. Seguiu-se a PSA de Mangualde, com 7 393 (+21,9%), isto é 24,9% da produção total portuguesa e 9,5% dos ligeiros de passageiros (nos comerciais ligeiros, os 5 178 veículos saídos da fábrica foram 88,5% da produção do segmento em janeiro).

No mês passado houve uma queda de 3,1% nas exportações face ao mês homólogo de 2019, sendo que 98,1% dos veículos fabricados em Portugal tiveram como destino o mercado externo.

A Europa continua a ser o mercado que mais recebe veículos automóveis produzidos em Portugal (92,8%). França (18,5%), Alemanha (18%), Itália (15,3%), Espanha (10,6%) e Reino Unido (9,8%) são os países europeus que mais contribuem. A ACAP indica que no mês de janeiro nenhum veículo foi exportado para a China.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados