Fábricas automóveis portuguesas batem recorde

30 JANEIRO AUTOMOVEIS PRODUCAO AUTOMOVEL

A produção automóvel (todos os segmentos) das fábricas portuguesas foi, em 2019, de 345 688 unidades, avança a Associação Automóvel de Portugal (ACAP). É um volume 17,4% acima do ano anterior e um novo recorde.

O nosso país assume-se, além disso, como uma verdadeira nação produtora e exportadora, tendo em conta que foram vendidos em Portugal 267 828 veículos automóveis novos, menos, portanto do que os produzidos.

A quase totalidade (97,3%) dos quase 346 mil veículos teve como destino o mercado externo. A Europa continua a ser o mercado líder nas exportações dos veículos fabricados em território nacional, com 92,7 %. Alemanha (23,3%), França (15,5%), Itália (13,3%), Espanha (11,1%) e Reino Unido (8,7%) ficaram no topo do ranking.

A Volkswagen Autoeuropa esteve, por fábricas, em destaque, com as 256 878 (+16,3% do que em 2018) unidades produzidas a representarem 74,3% de toda a produção automóvel lusa. Realce ainda para as 77 606 (+23%) viaturas saídas da linha da PSA Mangualde, correspondente a 22,4% do total.

Em dezembro de 2019, os construtores de automóveis instalados em Portugal produziram um total de 24 066 novas viaturas, o que representa mais 39,2% em relação ao mesmo período do ano anterior.

 

Todos os segmentos crescem

Na análise por segmentos, as fábricas nacionais produziram 282 142 ligeiros de passageiros, mais 20,5% do que em 2018, segundo a ACAP. Em dezembro, as 19 507 unidades assinalam um incremento de 12%.

No que se refere aos veículos comerciais, os 63 546 montados em 2019 evidenciam uma subida de 5,5% face ao ano anterior. Em Dezembro, registou-se uma subida homóloga de 17,2%, para 4559 veículos.

A produção de comerciais ligeiros no acumulado dos 12 meses do ano passado foi de 54 141, menos 5,9% do que em 2018, e 5405 pesados (passageiros e mercadorias), mais 1,3%. Já em dezembro, contaram-se 4163 comerciais ligeiros (+17,9%) e 396 pesados (+10,3%).

A produção nacional de pesados (mercadorias e passageiros) continua a ser garantida quase integralmente pela unidade do Tramagal. Das 5405 unidades “portuguesas”, 99,7%, ou seja 5 389 viaturas (+1,5%), saíram desta unidade.

As exportações de comerciais ligeiros subiram 5,2% de janeiro a dezembro de 2019 e atingiram 50 896 veículos. Já as exportações de pesados foram, no mesmo período, de 4 912 unidades, uma descida de 1,3%.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados