Pneus no verão – 3 cuidados a ter em conta

CUIDADOS PNEUS VERÃO

Já ouviu dizer que os pneus são elementos vitais para a segurança e bom funcionamento do seu carro, certo? Mas também é verdade que nem sempre lhes damos a atenção que merecem. Com a chegada do verão, há alguns cuidados extra a ter em conta e que lhe explicamos aqui.

As altas temperaturas dos próximos meses, as zonas onde estacionamos os nossos carros e a condução em estradas de alcatrão quente são aspetos que podem danificar os pneus. Não permita que o seu carro se transforme num problema e tenha em conta estes 3 cuidados:

  1. Asfalto quente desgasta os pneus

Em contato com o asfalto quente os pneus podem sofrer deformações e desgaste no piso. Se estiverem danificados ou as ranhuras (canais) tiverem uma profundidade inferior a 1,6 mm, então não há dúvidas: está na altura de os trocar. Escolha, então, um modelo que garanta uma condução segura e confortável. Antes de se fazer à estrada, o melhor é contactar o seu serviço de assistência técnica e fazer um check up.

  1. Verifique a pressão

No verão, os pneus atingem uma temperatura mais elevada. Se a pressão for muito baixa, o piso do pneu vai aquecer ainda mais, algo que encurta a vida útil do pneu até 15%. Antes de iniciar uma viagem deve verificar a pressão dos pneus. Em qualquer estação de serviço pode fazê-lo ou então pode deslocar-se à sua oficina de referência. Aí será possível controlar o estado dos seus pneus e verificar a pressão.

  1. Furos e rebentamentos de pneus

O calor do asfalto nos meses quentes de verão pode causar rebentamentos de pneus enquanto está a conduzir. É por isso que é determinante controlar o piso dos pneus. Além disso, a forma como conduz é vital para evitar acidentes. Lembre-se que bater com as rodas nos passeios, passar por redutores de velocidade em grande velocidade, ou subir passeios são fatores que desgastam muito os pneus.

Se tiver em consideração estas precauções, pode seguir viagem descansado. Não será pelos pneus que vai ter problemas.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados