Mercado automóvel português regressa ao crescimento

9 OUTUBRO ACAP VENDAS SETEMBRO

O mercado português de automóveis ligeiros (veículos de passageiros e comerciais) cresceu 8,4% em setembro, avança a Associação Automóvel de Portugal (ACAP). Foram matriculados 17 268 veículos.

A ACAP salienta, porém, que a fase intermédia do sistema WLTP entrou em vigor em setembro de 2018, o que causou perturbações no mercado desse mês. “Por este motivo, a comparação com o período homólogo terá de ter em atenção esse aspeto”, escrevem desde a associação.

No acumulado de janeiro a setembro, as 202 180 unidades matriculadas correspondem a uma quebra de 4,2% face ao período homólogo do ano passado. Por marcas, tudo igual no “pódio”, com Renault, Peugeot e Citroën, por esta ordem, a repetirem posições.

 

Comerciais em quebra

No que se refere aos comerciais ligeiros, os dados da ACAP indicam que se venderam, no mês passado, 21 710 unidades no mercado nacional, uma quebra de 13,7% em relação ao mesmo mês de 2018. As vendas acumuladas do ano foram de 28 156 veículos, o que representou uma estagnação (- 0,3%) em relação ao período homólogo do exercício anterior.

Em relação aos veículos pesados de passageiros e de mercadorias, verificou-se, em setembro, uma subida de 19,6% em relação ao mês homólogo do ano anterior, tendo sido comercializados 768 veículos desta categoria. Nos primeiros nove meses de 2019, as vendas situaram-se em 4370 unidades, mais 8,1% face ao mesmo período do ano passado.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados
RENAULT ALPINE EM RISCO
Saber Mais

Renault Alpine em risco

A Alpine, que regressou em 2018 com o desportivo A110, pode estar em risco. A fábrica de Dieppe…
15 NOVEMBRO UBER TROTINETAS
Saber Mais

Trotinetas da Uber chegam a Lisboa

O anúncio foi feito em pleno palco principal do Web Summit: as trotinetas elétricas Jump, da Uber, vão…