Covid-19 paralisou mercado automóvel em março

VENDA AUTOMOVEL MARÇO ACAP COVID19

As vendas de automóveis novos sofreram uma travagem brusca em março, devido à pandemia de Covid-19. Os números da a Associação Automóvel de Portugal (ACAP) revelam que o mercado nacional matriculou, no mês passado, 12 253 veículos ligeiros (passageiros e mercadorias), menos 56,7% do que os 28 090 de março de 2019.

“E, mesmo assim, no mês de março foram matriculados muitos veículos cujas encomendas tinham sido efetuadas antes da pandemia do coronavírus”, indica a ACAP.

No acumulados do primeiro trimestre de 2020 foram comercializado colocados em circulação 51 918 novos veículos ligeiros, o que representou uma diminuição homóloga de 23,8%. Por marcas, neste segmento, a liderança trimestral cabe à Peugeot (-21,2%, para 6405 unidades), seguida de Renault (-35,9%, para 6274 matrículas) e Mercedes (-7%, para 4414 registos).

Entre as marcas do “top” 10, a Nissan foi a única que cresceu nos três primeiros meses do ano (+5,9%). Já a maior quebra entre os construtores mais vendidos coube à Opel (-36,4%).

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados
10 JAN VENDAS 2018 SLIDER
Saber Mais

Comprar ou alugar carro?

Seja um particular ou uma empresa, quem procura um carro novo sabe que tem nas mãos uma decisão…
24 JULHO RENAULT ZOE
Saber Mais

Renault ZOE chega mais longe

A Renault operou uma renovação ao ZOE, o seu utilitário elétrico. A mais marcante é a autonomia que…