Conduzir à campeão…

2 MARCO AUTOMOVEIS LAMY

Quem melhor do que Pedro Lamy, um piloto profissional, para nos aconselhar a fazer uma condução segura? É que conduzir à campeão é apostar na segurança e minimizar os riscos. Venha daí e comece a incorporar estas dicas – de uma vez por todas – nos seus hábitos de todos os dias.

Numa edição dedicada à segurança na mobilidade impunha-se um tema sobre condução defensiva. Convidámos o piloto profissional Pedro Lamy, que conhece bem a importância da condução defensiva, a passar-nos um pouco da sua experiência.

“A atitude do condutor é o elemento-chave numa condução segura”, começou por nos dizer Pedro Lamy. “Cabe a cada um ter uma atitude responsável, estar ciente que cada deslocação envolve risco de acidente e que o seu estado físico e emocional é extremamente importante”, continuou. “A previsão é também um elemento da condução defensiva. Ter sempre uma constante atenção e interpretação correta das situações poderá evitar acidentes”, referiu também. Mas vamos por partes…

1. Sem telemóvel

Redes sociais, mensagens… É tentador, mas não utilize o telemóvel enquanto conduz. Estão a crescer de forma galopante os acidentes provocados por condutores que enviam mensagens ou interagem nas redes sociais.

2. Antecipação

Não basta prever, é necessário agir, e a antecipação poderá ajudar a reagir melhor perante alguma situação de risco. Por exemplo, se vê ao longe um objeto na estrada, mesmo não o conseguindo identificar, levante de imediato o pé do acelerador de forma a poder evitar uma colisão mais facilmente.

3. Sinalizar

Mostre sempre a sua intenção na estrada, quer vá parar ou mudar de direção, sinalize sempre todas as manobras.

4. Contacto visual

Procure entender e fazer-se entender. A comunicação é essencial, e dar a conhecer as suas pretensões poderá evitar situações perigosas.

5.Distância de travagem

Manter a distância de travagem é uma das mais importantes medidas para uma condução defensiva. Com uma correta distância de segurança vai ter mais tempo para reagir e evitar eventuais problemas.

6. Álcool

Parece básico, mas a condução sob efeito de álcool é uma das principais causas de acidentes no nosso país. No caso de saber que vai beber antecipe o regresso, tenha um condutor de reserva consigo, regresse de transportes públicos ou considere a possibilidade de ficar na casa de uma pessoa amiga.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados
3 ABRIL Mitsubishi fuso
Saber Mais

MITSUBISHI FUSO também paralisada

A fábrica da Mitsubishi Fuso Truck Europe (MFTE) do Tramagal também anunciou a suspensão da produção devido à…