Como preparar o seu automóvel para o regresso ao trabalho presencial

automóvel

Depois de um ano e meio de pandemia, muitos trabalhadores regressam ao seu posto de trabalho presencial… e ao trânsito. A acompanhá-los vêm as primeiras chuvas, dando assim início à época de maior perigo na estrada. Aqui damos-lhe algumas dicas como ter maior segurança durante a condução.

1. Confirme o estado das luzes do automóvel

Com os dias a ficarem cada vez mais curtos, a visibilidade na estrada começa a agravar pelas condições atmosféricas. Por esse motivo, torna-se fundamental que todos os carros tenham uma boa iluminação.

Assim sendo, antes de regressar ao trabalho, verifique o funcionamento de todas as lâmpadas e a sua intensidade (as lâmpadas substituem-se sempre aos pares, de modo a evitar intensidades diferentes). Tenha ainda em atenção o estado dos refletores e dos plásticos dos faróis, que devem estar limpos (por fora e por dentro) e sem oxidação.

2. Certifique-se que as escovas estão em boas condições

As escovas devem ser substituídas sempre que começarem a apresentar menor capacidade de limpeza.  Por norma, estas são mudadas nesta altura do ano. Isto,  porque as estações mais frias exigem uma maior eficácia e frequência de utilização. Lembre-se que a má visibilidade coloca em risco a sua segurança e a dos outros. Não arrisque!  Substitua as escovas antes que o chegue o mau tempo.

3. Deixe os vidros bem limpos

O ar condicionado não é apenas indicado para o verão. Este sistema é também a melhor solução contra o embaciamento dos vidros do automóvel durante as épocas frias. Para que seja mais eficaz, deve limpar regularmente os vidros. Se conduz em regiões mais húmidas, pode utilizar produtos específicos anti embaciamento e hidrofóbicos.

4. Borrachas em bom estado

Além da visibilidade, o conforto no interior do automóvel depende de alguns cuidados importantes. A condução sob vento e chuva pode pôr à prova o estado das borrachas vedantes de portas, janelas, motor e bagageira. Se não estiverem em condições, arriscas-se a ter frio e água no interior do automóvel. Se necessário, compre um produto de hidratação para borrachas para que estas tenham uma maior durabilidade.

5. Verifique o estado dos travões e amortecedores

Quando o tempo piora, os pneus do automóvel tendem a perder alguma aderência ao piso. Por isso, é importante que o conjunto das pastilhas e dos discos, assim como o circuito de travagem estejam em perfeitas condições de funcionamento. Para ficar mais descansado, verifique todos os componentes numa oficina.

Além dos pneus e das jantes, os amortecedores também são componentes mecânicos que podem ficar afetados com as más condições meteorológicas. Esteja atento, sobretudo, ao saltitar das rodas, pois este é um sinal de que o desgaste já comprometeu a força do amortecimento.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos recomendados
31 OUTUBRO KIA XCEED 1
Saber Mais

Kia XCeed: o Ceed feito SUV

A Kia imprimiu ao Ceed a imagem dos tão em voga SUV e batizou-o de XCeed. Apresentado pela…